FRANZ SIMPÁTICO FERDINAND SHOW

IMG_20141001_110330

Terça-feira exageradamente quente para a apresentação de um grupo escocês em São Paulo, e complicada, principalmente para quem gostaria de aproveitar o máximo que a noite tem a oferecer sem se preocupar com as obrigações no dia seguinte, mas nem por isso havia qualquer disposição para desistir, pelo contrário, a “aventura” estava apenas começando.

Eu não me recordo de qualquer outro show internacional no Espaço das Américas, mas tenho boas lembranças da selvageria de festas universitárias anárquicas no local, vestidos coloridos, gravatas desnecessárias e uma tensão sexual sem limites no ar. Pense, se o local é capaz de abrigar uma legião de formandos irrecuperáveis, uma apresentação de rock é incapaz de acelerar a pulsação cardíaca dos responsáveis pela organização do evento. Fato.

Não havia pressa, e sinto ser sincero, mas não havia amor. O Franz Ferdinand é uma banda simpática, mas depois de algumas cervejas entre amigos, concluímos que não é uma banda capaz de causar furor. Eles, sem dúvida nenhuma, possuem singles dançantes, mas ainda não possuem uma música capaz de hipnotizar uma multidão. No palco são incrivelmente competentes, bem vestidos e ensaiados, assim como qualquer outra banda católica, praticante, exemplar, crente.

Como em qualquer outro evento o valor cobrado pelas bebidas não me surpreendeu, uma absurdo, mas não tanto quanto ao vazio entre o público presente, já previamente dividido pelo apartheid financeiro promovido pela irritante pista vip, premium, gourmet, escolha o termo que desejar, mas não se deixe enganar, é a mesma armadilha.

Felizmente eu tive a oportunidade de acompanhar o show por diversos ângulos, desde o telão sem som na entrada principal, junto com a equipe de seguranças, entre os diferenciados fãs e curiosos na pista principal e os elitistas e fanáticos na pista premium, observando sempre sem entender ao grupo acomodado no distante camarote vip, que ao meu ver não oferece tanto conforto quanto prometido. E em qualquer lugar havia boa percepção do show e vista disponível para o palco, sem considerar os telões auxiliares.

Em algum momento da apresentação nós decidimos procurar abrigo na área destinada aos fumantes, é ótimo a disponibilidade deste local em uma casa de shows, e para a nossa surpresa havia uma quantidade considerável de pessoas como nós, despreocupadas quanto a apresentação. Em algum momento alguém exaltado e correndo grita: – Quem aqui está agora, não gastou um centavo com o ingresso. Eu ri.

Voltamos a fim de conferir a etapa final do show, dancei, cantei e me apaixonei algumas vezes, o público do Franz Ferdinand reserva uma inegável quantidade de beldades inexplicavelmente sozinhas, talvez os pares não sejam fãs de rock escocês, talvez realmente o amor está em falta em São Paulo, quem sabe?

“This Fire” encerrou a apresentação em uma variação de improvisos a fim de torná-la épica, um desperdício com a melhor música do repertório do grupo. Mais da metade dos presentes, menos da metade da capacidade da casa, não era capaz de nomear uma música além de “Take Me Out”, os fãs, sempre os fãs, serão eternamente gratos pelo grupo que visita o país pela sétima vez, enquanto eu voltei para casa localizada a poucos quarteirões do local de show, desejando vida longa ao Espaço das Américas, uma vez que o acesso ao local é ridiculamente fácil.

Quanto ao Franz Ferdinand apenas uma sincera observação, banda simpática, mas sem furor suficiente para me convencer a comprar o ingresso.

messupclubbotomfacebookbotomtwitterbotom

Anúncios

Tags:, , , , , , ,

About Ghilardi

Crítico ácido, um ruminante de peso. Definitivamente carne de terceira. Escritor. Músico. Fotógrafo ordinário.

Escreva seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: